United HR informa que investimentos em Infraestrutura aumentam a geração de empregos

13 de julho de 2020, Por Márcio Miranda

A relação entre investimentos em infraestrutura e empregos é total, acredita o presidente da UNITED HR, Márcio Miranda. Para o executivo, a retomada de investimentos em infraestrutura no Brasil tem potencial para gerar um novo ciclo de expansão econômica, e retomar a geração de empregos.

  • A Secretaria Nacional de Aviação Civil do Ministério da Infraestrutura (MInfra) vai investir mais de R$ 60 milhões para reconstruir o Aeroporto Regional de Coari. O terminal de Coari chegou a operar em 2008 mais de 70 mil passageiros por ano. Com os investimentos em andamento, será possível ampliar de forma significativa a operação do aeroporto, que poderá receber jatos comerciais de médio porte, como o Embraer 190 E2 e o A319, além de turbo-hélices como o ATR42 e ATR72, comuns na região. (Fonte:Lafis)
  • A JHSF comprou um terreno de 34,5 mil metros quadrados ao lado do Shopping Cidade Jardim, em São Paulo. A transação será desembolsada em 2023 e tem valor atual aproximado de R$157 milhões. A compra vai auxiliar a companhia a desenvolver um novo projeto multiuso, “contemplando torres residenciais de alto padrão, além da área do shopping center e áreas comerciais” conforme comunicado pela empresa. (Fonte:CEIC)
  • Com investimento de R$ 30 milhões, a rede catarinense Bistek inaugurou no início do mês sua 19ª loja, instalada na cidade de São José. A nova loja emprega diretamente 180 funcionários. (Fonte:EMMIS)
  • O Governo do Pará mantém as ações de melhoria na infraestrutura e mobilidade urbana por meio do Programa Asfalto Por Todo o Pará. Iniciado no início deste ano, o programa estadual tem como objetivo promover obras de pavimentação em municípios das 12 regiões de Integração do Pará, com um investimento em infraestrutura urbana de quase R$ 700 milhões para o período 2020/2021. (Fonte:EMMIS)
  • A Secretaria de Estado Desenvolvimento Urbano e Obras Públicas (Sedop) anunciou obras de pavimentação e drenagem profunda em 12 municípios das regiões do Xingu e do Tapajós. O investimento ultrapassa os 100 milhões de dólares, somados os recursos próprios com empréstimos bancários. (Fonte:Lafis)

A saída para o Brasil romper o ciclo de estagnação econômica, e voltar a gerar empregos passa por investimentos em infraestrutura dos setores públicos e privados. A United HR tem projeção de que novos empregos serão gerados no longo ano de 2020.

Leave a Reply

Your email address will not be published.